Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





A demanda das compras de Natal

por Maria Popia, em 13.12.12

Por mais que todos os anos nos venham com a conversa "Este ano isto está mau, não se podem oferecer prendas", a verdade é acabamos sempre por receber as ditas prendas de Natal (nem que sejam as malfadadas meias, os piijamas, ou mesmo os lençóis polares) e não queremos estar de mãos a abanar na altura da troca. Pequeno aparte, quando era mais pequena detestava que me oferecessem meias e pijamas, agora se for isto que me espera no sapatinho fico toda contente (estou a realmente a ficar velha).

Mas voltemos à questão que aqui nos trouxe...as prendas de Natal. Gosto muito regressar às origens e levar a mala carregadinha de presentes para a família. Dá-me tanto prazer poder oferecer-lhes aqueles miminhos. E depois não há nada pior do que receber um presente e não ter nada para dar em troca, é o mínimo que podemos fazer por aquela pessoa que se lembrou de nós.

Todos os anos passo pelo mesmo processo: fazer uma lista com todas as pessoas a quem vou ofertar qualquer coisinha; atribuir a cada nome um presente e em que loja o posso encontrar; decidir em que dia vou arrastar o meu mais-que-tudo para o centro comercial para me apoiar na procura; ganhar coragem para entrar no centro comercial.

Meter-me no centro comercial ao fim-de-semana nem pensar, deus me livre e guarde. É uma missão para lá de impossível. Como há compras a fazer, um dia a meio da semana parece-me melhor. Quarta-feira.

Que se desengane quem pensa que durante a semana a coisa é mais suportável, não é (inocência a minha pensar que sim). Entre encontrões, pessoas que se metem à nossa frente como se fossemos invisíveis (será porque eu sou baixinha?), procurar os tamanhos certos e na cor que queremos, encontrar exatamente o presente que procuramos...ufa...ninguém merece. Eu que até levava comigo alguma paciência acabei por perdê-la logo. É de uma pessoa se descabelar no meio das lojas e gritar "Mas chega para todos. Um pouco de civismo por favor".

Mas consegui! Comprei a grande parte dos presentes que queria. Faltam alguns mas resolve-se mais facilmente (menos a do meu querido namorado, que vai com certeza ler este textinho. É dificil escolher uma coisita para ti).

A demanda aproxima-se do fim. Coragem minha gente, pensem que é só uma vez por ano :)

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


6 comentários

Imagem de perfil

De Manuel Joaquim Sousa a 15.12.2012 às 19:25

Bem... Fazer compras em dia de semana é mais suportável - sem dúvida. Ao fim-de-semana, em muitos locais, é o autêntico horror. Mas, compras são poucas que irei fazer - só para a família. Independentemente da crise sempre fui pouco dado a esta euforia comercial; gosto mais da parte das coisas saborosas que a nossa tradição sugere ;)

Imagem de perfil

De Maria Popia a 17.12.2012 às 09:23

Manuel tem todo o meu apoio na parte das "coisas saborosas que a nossa tradição sugere". Também sou uma adepta acérrima (até demasiado) dos comes e bebes desta época. E sempre é uma coisa bem menos "stressante" do que andar nas compras de Natal :)

Comentar post





Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Previsão meteorológica

Ocorrência de ideias (quase) diariamente, possibilidade de precipitação de pensamentos em dias mais ou menos nublados mas com boas abertas.


Comentários recentes

  • Us4all

    ohhhh que péssima publicidade Sejamos sinceros, es...

  • Helena Duque

    Sem dúvida... fui lá duas vezes e duas vezes passe...

  • Marta Elle

    Eu penso isso de todas as praias.

  • m-M

    Acontece-me sempre o mesmo em Francelos - Gaia :p

  • marta-omeucanto

    Aqui em mafra visitaram-nos durante a noite!Hoje, ...


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D